quarta-feira, 10 de junho de 2009

A caverninha do Henri

Estou fazendo obra em casa e as coisas por aqui andam meio fora de ordem.
Hoje de manhã o Fred estava todo agoniado com o entra-e-sai dos pedreiros e ficou agitado, reclamando muito. Toda hora vinha atrás de mim e eu não entendia o que ele queria dizer, mas era só a mudança da rotina que deixou ele nervoso. Peguei no colo, fiz um pouco de carinho e passou.
Aí, me dei conta que não via o Henri há horas... e comecei a procurar pela casa. Chamei, olhei nos esconderijos habituais e nada. Fred me ajudou na busca, mas não encontramos.
Comecei a ficar nervosa, achando que ele pudesse ter saído sem eu ver. Ele é muito levado, podia ter aproveitado a saída de algum pedreiro.
Já estava quase em pânico quando encontrei. Ele estava dormindo no maior sono pesado escondido entre a manta que cobre o sofá e o sofá propriamente dito. Numa ceverninha para deixar o Frank Sinatra cheio de inveja rsrsrsrsrsrsrs
Fui lá, fotografei - com flash!- e ele nem se mexeu...
Acho que ele dormiu umas três horas seguidas!
Muito dorminhoco esse Henri!

3 comentários:

Gisa disse...

Que soninho gostoso! Imagino teu susto enquanto não descobriste o esconderijo do fofo! Bjs

Bigodes e Almofadinhas disse...

O Bruno fez isso com meus pais... No fim tava escondido na cesta de panos de chão!!

Claudinha disse...

hehehheheheheeh